Deixem os biólogos em paz!


"Todos os professores de física dão aulas tranquilamente, falam sobre o Big Bang, o afastamento das galáxias e o efeito Doppler sem serem perturbados. De forma parecida, os geólogos falam sobre o depósito de materiais, a orogênese, a sucessão das eras geológicas e diversos outros fenômenos, cujo desenrolar ocorre na casa dos milhões ou das dezenas de milhões de anos, igualmente sem serem perturbados, sem sofrerem ataques. Não costumamos ler nos jornais que fundamentalistas querem proibir o ensino da física, ou que querem pôr etiquetas constrangedoras (para eles!) nos livros de geologia. Então, por que o ataque à biologia evolutiva especificamente?"

Gerardo Furtado, que escreve para o Biologia Evolutiva, conta nessa publicação o porquê dos religiosos, principalmente, em brigarem com os biólogos sobre o conteúdo que deve ser ensinado para os alunos (coisa que não acontece com os físicos e geólogos, onde suas descobertas e ensinamentos confrontam muito mais de frente com os textos sagrados, como a Bíblia e o Tanakh (livro sagrado dos judeus)).

Afinal de contas, a ciência da Física e Geologia nos mostram, com diversas evidências, que a Terra tem pouco mais de 4,5 bilhões de anos e o Universo que tem 13,7 bilhões de anos. Por que não ouvimos gritos acalorados dos defensores da Terra Jovem (dizendo que a Terra tem alguns poucos milhares de anos) ou da criação do Universo, que seria apenas alguns momentos antes da criação da Terra?

E a Biologia? Por que esse conhecimento adquirido por essa Ciência, principalmente a Teoria da Evolução, incomoda tanto? Será que o fato de essa teoria nos colocar no mesmo patamar de outros animais acaba criando uma enorme ferida em nosso ego? As evidências coletadas desde a publicação de 'Origens' são enormes[1]. Realmente acho esses gritos infundados, mas pode ser apenas um mero problema de olhar as coisas de outro modo. Realmente acho maravilhosa a ideia de que nós, humanos, surgimos devido a milhares de acúmulos de erros e acertos e que toda a árvore da vida[2] está ligada e que, graças a essa evolução, nos permite ter cérebros que conseguem analisar todas as evidências encrustadas na rocha (e tantas outras em laboratório ou no meio natural) e conseguir ligar tudo isso a uma origem em comum. Realmente acho essa visão de vida muito mais linda.

Para ver toda a publicação de Gerardo em seu blog, clique aqui.

Você já curtiu a página do 'Do Nano ao Macro' no Facebook? Além das postagens que saem aqui no blog leia notícias e publicações interessantes de outros blogueiros. E se você usa o Google+, dê um +1 na página do blog por lá! =D

Informações extras:
[1]: Eli Vieira, no site Evolucionismo, traz uma publicação da Nature mostrando as '15 jóias da Evolução'. São as principais evidências e argumentos que sustentam que a Evolução, de fato, é uma Teoria forte e a melhor explicação para a diversidade da vida. Veja aqui.

[2]: busque usando a ferramenta de pesquisa do blog sobre 'árvore da vida' e se divirta. =D

Com imagem por *a2star em seu deviantART. Trecho que inicia o post retirado de Biologia Evolutiva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário